Samsung entra na era dos chips de 3 nanômetros com nanofolhas

Samsung entra na era dos chips de 3 nanômetros com nanofolhas.

A Samsung anuncia a produção de seus novos chips de geração “3 nanômetros”, que em breve serão utilizados em smartphones e computadores. Mais do que o tamanho, é a geometria dos transistores que realmente muda, ao mobilizar nanofolhas para fazer a corrente fluir.
Na corrida pela contínua miniaturização dos processadores, a Samsung acaba de tirar vantagem sobre seus concorrentes. A peso-pesado sul-coreana em eletrônicos de consumo anuncia neste dia 30 de junho de 2022 o início da produção da próxima geração de chips, ultrapassando a americana Intel e a taiwanesa TSMC, duas rivais também engajadas nesta competição.

O anúncio da Samsung gira em torno da geração de chips cuja finura de gravação chega a 3 nanômetros. Nessa escala, a espessura de um fio de cabelo pareceria colossal: um nanômetro é uma pequena fração de metro (um bilionésimo) e um fio de cabelo é 50.000 vezes mais grosso. Hoje, os chips mais avançados do mercado são anunciados em 5 e 7 nanômetros (nm).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.