Google quer emular a Apple e produzir o Pixel 7 no Vietnã

Em um novo relatório divulgado esta semana, fontes revelaram que o Google está retirando a produção da linha Pixel 7 da China e realocando a montagem para fábricas localizadas no Vietnã .

De acordo com funcionários entrevistados pelo New York Times , o Google está seguindo os passos da Apple e da Microsoft, pois as empresas também estão diversificando sua cadeia produtiva.

Os conflitos geopolíticos entre China e Estados Unidos, além dos problemas recentes com Taiwan, fizeram com que muitas empresas americanas começassem a expandir sua produção para outros países. Atualmente, grande parte da montagem do produto é migrada para o Vietnã e Índia.

Por enquanto, ainda não há uma data precisa para o lançamento da linha Pixel 7, mas o mercado já começa a falar sobre o próximo passo da gigante das pesquisas: o primeiro Pixel dobrável.

Novas informações divulgadas pelo mesmo relatório indicam que o Google deverá manter a produção deste dispositivo na China devido à grande tecnologia a bordo.

A complexidade da montagem da dobradiça e da tela flexível exige que o dispositivo seja fabricado em solo chinês.

No entanto, embora a produção deste folheto esteja em fase experimental, tudo indica que só deverá ser lançado oficialmente em 2023. Isto porque a China ainda enfrenta alguns problemas na produção, com os contínuos encerramentos de fábricas devido ao Covid-19 e racionamento de energia elétrica.

Nas próximas semanas teremos mais detalhes, então nos acompanhe em nossos canais e assim que tivermos novas informações sobre o assunto ou outras novidades do mundo dessa tecnologia postaremos um novo artigo para mantê-lo atualizado como sempre.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.