Vendas de smartphones caem 20% este ano devido a coronavírus

As vendas de smartphones caíram globalmente em cerca de 20% nos primeiros três meses de 2020, como resultado da pandemia de coronavírus , de acordo com um comunicado da empresa de pesquisa Gartner na segunda-feira.

O declínio é provavelmente o resultado de os consumidores gastarem menos em produtos não essenciais devido a pedidos globais de abrigo no local e à incerteza econômica provocada pela pandemia, disse a empresa.

“A pandemia de coronavírus causou o pior declínio do mercado mundial de smartphones”, disse Anshul Gupta , analista sênior de pesquisa da Gartner. “A maioria dos principais fabricantes chineses e a Apple foram severamente impactadas pelo fechamento temporário de suas fábricas na China e pela redução dos gastos dos consumidores devido ao abrigo global no local”.

Os principais fornecedores de smartphones do mundo – Samsung , Huawei e Apple – registraram uma queda nas vendas do primeiro trimestre, embora a Samsung tenha conseguido manter sua posição número 1 no mercado. O Gartner disse que a empresa conseguiu evitar um declínio mais acentuado em parte por causa de sua “presença limitada na China”.

O Gartner previu na semana passada que os embarques de dispositivos como PCs, tablets e celulares diminuirão 13,6% em todo o mundo este ano, como resultado da pandemia. O Gartner prevê que apenas os embarques de celulares diminuirão 14,6%, à medida que os clientes prolongam a vida útil de seus telefones para reduzir gastos não essenciais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.