Nos EUA, pais vão monitorar atividades dos filhos no Instagram

Nos EUA, pais vão monitorar atividades dos filhos no Instagram.

O Instagram anunciou na quarta-feira, 16, o lançamento da ferramenta “central da família”, que vai aumentar o nível de controle parental na plataforma nos Estados Unidos.

O app de fotos do Facebook agora vai enviar aos pais relatórios com informações sobre o tempo em que os filhos passam navegando na plataforma, ter notificações quando o perfil seguir ou ser seguido por alguma conta, além de poder visualizar quais ferramentas serão utilizadas pelas crianças.

Em uma parte separada do aplicativo, os pais poderão vincular suas contas às contas dos filhos e ter acesso a um gráfico completo de uso da plataforma.

Informações como a quantidade de horas por dia gastas no Instagram vão ficar disponíveis, além de notificações de quando o perfil reportar uma conta, por exemplo — a ideia é que pais saibam quando os adolescentes encontrarem na plataforma com possíveis exploradores.

Para que os pais tenham acesso, é preciso que os filhos autorizem o compartilhamento das informações. O Instagram informou que trabalha em uma versão onde os pais podem solicitar o acesso desses dados.

A medida já tinha sido anunciada pelo presidente do Instagram, Adam Mosseri, em dezembro de 2021, em meio às polêmicas envolvendo a empresa de Mark Zuckerberg a respeito de danos causados à saúde mental de menores de idade no app.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.